Histórias de sucesso

Emagreci 43 kg e mudei minha vida

"Como mãe, meu emagrecimento foi fundamental."

Nome: Cláudia
Idade: 44
Altura: 1,64 m
Pesava: 110 kg
Eliminou: 43 kg
Peso atual: 67 kg
Peso meta: 69 kg

Emagreci 43 kg e mudei minha vida

Emagrecer... missão impossível?

Acredite se quiser, mas eu já entrei e sai do Vigilantes do Peso quatro vezes antes de recomeçar para ir até o fim. E, sempre que desistia, engordava muito mais: fui de 70 para 80 kg, de 80 para 90 kg... até chegar nos 110 kg. Era então que recorria aos famosos remédios milagrosos, buscando uma mágica para emagrecer rapidamente.

Os hábitos familiares também não ajudavam muito: meu esposo adorava fazer reuniões com os amigos, nas quais o foco era muito churrasco e cerveja. Quando almoçávamos fora, eu perdia o controle com as tentações – me esbaldava nas guloseimas e bebidas.

E, depois disso tudo, como ter ânimo e disposição para me exercitar? Tinha problemas no joelho e no nervo ciático por causa do sobrepeso; além disso, nem sempre tinha mais que 15 minutos disponíveis por dia, e, como achava que caminhar por este tempo nem adiantava, acabava desistindo.

As pessoas me diziam que era impossível, mas eu consegui!

Minha situação estava crítica: o problema no meu nervo ciático havia se agravado devido ao sobrepeso e, muitas vezes, eu tinha que ficar de repouso na cama, dependendo dos cuidados e da atenção de meus familiares para poder me locomover. Aquilo não era vida.

Com o apoio de minha filha e de meu esposo, tomei a decisão de retornar ao Vigilantes do Peso. Desta vez, era tudo ou nada... estava disposta a seguir o programa de emagrecimento à risca. E acabei emagrecendo 2 kg na primeira semana! Milagre? Não. Apenas segui as orientações e acreditei no programa. Mesmo comendo e me divertindo com os meus amigos no final de semana, consegui alcançar meu primeiro sucesso: voltei a acreditar em mim mesma, a acreditar que eu era capaz de mudar.

Minha família: a grande motivação de que eu precisava.

Sou mãe de uma moça de 23 anos. Como mãe, meu emagrecimento foi fundamental, pois a mudança de hábitos teve reflexo em toda a família. Passei a preparar refeições saudáveis, a fazer as compras pensando em adquirir alimentos frescos e que fizessem bem para a minha família e parei de vez de intoxicar a mim e à casa com guloseimas desnecessárias.

Nas reuniões do Vigilantes do Peso, vi como é motivador ver as pessoas emagrecendo juntas e focadas no mesmo objetivo. Com o monitoramento, aprendi a fazer escolhas inteligentes sem ter que fazer restrições alimentares. Aprendi a comer frutas e legumes e a saborear os alimentos, comendo-os lentamente e encontrando, assim, mais rapidamente a saciedade. A atividade física entrou lentamente em minha vida: aceitei começar com os 15 minutos até que eles se tornaram corridas de 10 km e, depois, 21 km. Acreditem: agora corro durante 2 horas consecutivas!

Hoje me sinto vitoriosa e renovada. Na noite de minha formatura no curso de Direito, que cursava com meu marido, realizei um sonho: usei um lindo vestido e dancei valsa a noite toda em meio à garotada. Foi um renascimento. Renasci como Orientadora do Vigilantes do Peso para ajudar outras pessoas a reconquistarem sua autoestima, autoconfiança e um peso saudável.