Dicas E Artigos

Receitas

Diga sim para o que você adora comer! Aqui, você pode.

Planejando o emagrecimento
Para emagrecer com sucesso, é necessário adotar hábitos para um estilo de vida saudável, como escolher alimentos com poucas calorias e se empenhar na prática de atividades físicas.1

No entanto, novos hábitos não aparecem do nada, eles precisam de planejamento.

Escolha os alimentos de forma inteligente


Você sabia que especialistas já identificaram hábitos alimentares relacionados ao emagrecimento? Pois é, e a partir dessas descobertas, é possível traçar estratégias de como escolher alimentos com pouca gordura, com baixa densidade de energia ou com grande quantidade de fibras2. Assim, planeje-se, por exemplo, ao escolher um restaurante que ofereça pratos pouco calóricos ou ao preparar lanches para o trabalho.


No planejamento, também devem ser definidos os objetivos para alcançar uma alimentação saudável. Pesquisas apontam que, quando as pessoas recebem ajuda para criar seus objetivos e planos para emagrecer e recebem um plano de alimentação, ficam mais aptas a continuar com o programa de emagrecimento. Como resultado, emagrecem mais3.

Planeje se exercitar


Especialistas concordam que praticar atividades físicas regularmente, assim como ter uma alimentação adequada, pode gerar um emagrecimento em longo prazo e melhorar significativamente a saúde4. Da mesma forma que é preciso planejar a alimentação, também é preciso planejar quais atividades físicas serão feitas. Outra importante parte do processo é estabelecer metas realistas e possíveis, como algumas pesquisas já mostram5.


Dar pequenos passos para melhorar a alimentação e aumentar os níveis de atividades físicas pode ter grandes efeitos na conquista do peso saudável6. De forma geral, planejar hábitos que promovem a alimentação saudável e o exercício regular pode beneficiar o emagrecimento.

A proposta do Vigilantes do Peso 

O programa do Vigilantes do Peso fornece técnicas específicas que ajudam na definição de metas e que criam estratégias para tornar essas metas realidade. 

FONTES

1Baker RC, Kirschenbaum DS. Weight control during the holidays: highly consistent self-monitoring as a potentially useful coping mechanism. Health Psychol. 1998 Jul;17(4):367-70. 

2Teixeira PJ, Going SB, Houtkooper LB, Cussler EC, Metcalfe LL, Blew RM, Sardinha LB, Lohman TG. Pretreatment predictors of attrition and successful weight management in women. Int J Obes Relat Metab Disord. 2004 Sep;28(9):1124-33. 

3Laws R; Counterweight Project Team. A new evidence-based model for weight management in primary care: the Counterweight Programme. J Hum Nutr Diet. 2004 Jun;17(3):191-208. 

4Wing RR, Gorin AA. Behavioral techniques for treating the obese patient. Prim Care. 2003 Jun;30(2):375-91. 

5Moloney M. Dietary treatments of obesity. Proc Nutr Soc. 2000 Nov;59(4):601-8. 

6Ruser CB, Federman DG, Kashaf SS. Whittling away at obesity and overweight. Small lifestyle changes can have the biggest impact. Postgrad Med. 2005 Jan;117(1):31-4, 37-40.