Dicas E Artigos

Artigos

Diga sim para o que você adora comer! Aqui, você pode.

Festas: Guia de Sobrevivência
Ah, dezembro. Depois de cinco anos como Orientadora, sei que as minhas reuniões vão ficar muito vazias. Todo ano, nesta época, os Associados jogam a toalha e decidem esperar até 1º de janeiro para voltar ao programa de emagrecimento.

Embora muitos vejam dezembro como a época mais difícil para emagrecer, eu acredito que é tudo uma questão de como você encara a situação! Abandone a atitude derrotista: esta época do ano não tem que ser um colapso. Algumas ferramentas simples podem fazer com que você assuma o controle e atravesse tranquilamente as festas com a atitude positiva de quem sabe o que faz.

A primeira coisa que você precisa fazer é perguntar a si mesmo: “O que quero que aconteça este ano?”. Você quer emagrecer? Manter seu peso? Ou um pequeno ganho é aceitável? Uma vez determinada qual é a sua opção, os princípios são os mesmos. Depois de vários períodos de festas com o programa, vejam o que descobri para me manter fiel às minhas decisões e objetivos:

1. Escreva.
Todo ano, crio um calendário para dezembro. No primeiro dia do mês, sento e planejo tudo o que é possível. Depois:
• Anoto as datas de cada evento e festa. 
• Marco os dias em que planejo me exercitar.
• Destaco os dias em que posso me manter na minha Cota Diária de ProPontos porque não vai acontecer nada de diferente.
• Marco os dias em que planejo assistir às reuniões.
• Registro meu peso atual nos dias em que me peso.

Esse calendário é importante porque lhe dá uma ideia do que esperar do mês. Ele pode parecer um campo minado ou ajudar a reparar que há muitos dias em que não acontece muita coisa. Observando isso, pergunte-se se a decisão que você tomou (perder, manter ou ganhar) é viável. Seja honesto e se liberte se decidir que precisa viver um pouco este ano e que um pequeno ganho é uma troca aceitável pela diversão e diminuição do estresse que vai ter.

2. Vá em frente.

Aconteça o que acontecer, pese-se semanalmente. Independentemente da sua decisão sobre o peso, você precisa de um feedback para saber o que está acontecendo. Senão, você pode exagerar nas proporções e jogar a toalha porque imagina que as coisas são piores do que realmente são. Pesar-se pode fazer com que um ganho de 1 kg não vire um ganho de 3 kg.

3. Comunique-se.

Durante os momentos difíceis, muitos de nós têm a tendência de se afastar do programa. É exatamente o oposto do que se deve fazer. Proteja seu compromisso com o programa ferozmente, faça disso uma prioridade, de forma positiva e renovadora.

Se você frequenta reuniões, não falte para terminar seus projetos de férias ou participar de eventos sociais. Fique firme e recuse-se a faltar até mesmo uma. Ainda assim, seja flexível. Talvez você precise encontrar reuniões diferentes que são mais convenientes naquela semana ou até assistir a mais de uma, para ajudá-lo na sua decisão. Se você segue o programa EmCasa, reserve um tempo para explorar o nosso site e ler os artigos e Histórias de sucesso.

4. Troque dicas.

Como Orientadora e Associada Vitalícia, de uma coisa eu tenho certeza: nunca vou saber tudo. Estou sempre aprendendo. Então, use as festas como uma oportunidade não só de pedir conselhos, mas também de compartilhar as suas melhores dicas para sobreviver às próximas festas. Você realmente vai ter um feliz ano novo.