Dicas E Artigos

Artigos

Diga sim para o que você adora comer! Aqui, você pode.

Café da manhã e manutenção do peso
Um número crescente de pesquisas sugere que tomar café da manhã é uma estratégia de sucesso para o emagrecimento duradouro.

Embora o hábito de tomar café da manhã seja relacionado à boa saúde e à alimentação nutritiva, pular essa refeição pode parecer uma maneira fácil de cortar calorias para quem quer emagrecer. Um número crescente de pesquisadores, no entanto, indica que fazer a primeira refeição do dia é uma estratégia eficaz para o emagrecimento duradouro.

A relação entre não tomar café da manhã e a obesidade

Quem toma café da manhã tende a ter menos problemas com o peso do que aqueles que pulam essa refeição.1 Estudos revelam que pessoas que não comem de manhã acabam consumindo mais calorias ao longo do dia e o resultado é o ganho de peso 2. Tomar café da manhã pode ajudar a controlar o apetite e diminuir as chances de comer excessivamente ao longo do dia. 3

O café da manhã e a manutenção do peso

Tomar o café da manhã também pode auxiliar na manutenção do emagrecimento. Uma pesquisa do banco de dados National Weight Control Registry (EUA) reúne informações de norte-americanos que perderam no mínimo 30 quilos e mantiveram o novo peso por pelo menos um ano. Os participantes relataram que tomar café da manhã todos os dias foi uma das suas principais estratégias para manter o emagrecimento. Dos 2.959 participantes pesquisados, 78% tomavam café da manhã sete dias por semana e apenas 4% disseram que nunca comiam ao acordar 4.

Os pesquisadores sugerem que o desjejum pode ajudar a diminuir a fome durante o resto do dia. Além disso, o café da manhã fornece nutrientes essenciais que podem melhorar a performance nas atividades físicas, que também contribuem para a manutenção do emagrecimento.

Conclusão

Inserir o café da manhã em sua rotina diária é uma estratégia-chave para a manutenção do emagrecimento sustentável a longo prazo.


FONTES:
1 Horikawa C, Kodama S, Yachi Y, Heianza Y, Hirasawa R, Ibe Y, Saito K, Shimano H, Yamada N, Sone H. Skipping breakfast and prevalence of overweight and obesity in Asian and Pacific regions: a meta-analysis. Prev Med. 2011 Oct;53(4-5):260-7.
2 Farshchi HR, Taylor MA, Macdonald IA. Deleterious effects of omitting breakfast on insulin sensitivity and fasting lipid profiles in healthy lean women. Am J Clin Nutr. 2005 Feb;81(2):388-96.
3 Astbury NM, Taylor MA, Macdonald IA. Breakfast consumption affects appetite, energy intake, and the metabolic and endocrine responses to foods consumed later in the day in male habitual breakfast eaters. J Nutr. 2011 Jul;141(7):1381-9.
4 Wyatt HR, Grunwald GK, Mosca CL, Klem ML, Wing RR, Hill JO. Long-term weight loss and breakfast in subjects in the National Weight Control Registry. Obesity Research 2002;10:78-82.