Dicas E Artigos

Como comandar sua respiração e usá-la a seu favor

Se nos tornarmos mais conscientes de nossa respiração, podemos usá-la em nosso proveito - principalmente em momentos de estresse.

 

Respiração. Na maioria das vezes, nem pensamos nisso. Aceitamos que nosso corpo continuará inspirando e expirando involuntariamente o ar ao longo do dia. Mas o poder da respiração é incrível - é curativo, restaurador e melhora o nosso bem-estar emocional. Miriam Amselem (uia de meditação, Coach de atenção plena e Instrutora de Ioga, usa técnicas de respiração todos os dias em seu trabalho e sua vida pessoal.

 

“Eu faço exercícios de respiração na parte da manhã por cerca de 60 segundos antes de sair da cama”, conta. Ela também faz essa técnica quando se desloca ou quando surge uma situação estressante.

 

Prática antiga

"A história do trabalho respiratório é antiga", diz Amselem. “Muitas culturas o usam há séculos para gerar autoconsciência, paz interior, autocura e relaxamento meditativo. Historicamente, as raízes estão no Oriente e nas práticas antigas de yoga e meditação.”

 

Respiração consciente

“Não precisamos pensar em respirar”, diz Amselem, “nosso corpo respira automaticamente por conta própria - mais ou menos no piloto automático. Dominar a respiração, também chamada de respiração consciente, é uma ferramenta eficaz para diminuir os níveis de estresse, melhorar o humor e a saúde mental e emocional.”

Ela explica: “também existe uma relação direta entre a frequência respiratória e o sistema nervoso central do corpo. Os pesquisadores descobriram que a respiração rápida aciona o cérebro para ativar o sistema nervoso simpático, que aumenta o cortisol (hormônio do estresse), a freqüência cardíaca, a pressão arterial, a tensão muscular e até a ansiedade. Portanto, o poder da respiração consciente faz exatamente o oposto e aumenta a calma, o relaxamento e a clareza mental.”  

De fato, a respiração profunda (também conhecida como respiração diafragmática e respiração abdominal) ajuda a acalmar nossa resposta ao estresse. A respiração profunda, na qual você enche totalmente os pulmões e deixa a barriga subir, pode parecer artificial para muitos de nós, porque tendemos a segurar o estômago e respirar superficialmente. Isso significa que não estamos realmente recebendo tanto ar quanto poderíamos em cada respiração, e isso pode nos fazer sentir falta de ar, ansiosos ou tensos. A respiração profunda nos permite obter o máximo de oxigênio possível e podemos diminuir o batimento cardíaco e ajudar a regular a pressão arterial.

 

Exercícios de respiração

 

Respiração de 16 pontos

Com este exercício, você inspira contando até quatro, expira contando até quatro, inspira novamente contando até quatro e retém a respiração contando até quatro antes da próxima inalação.

Repita esse ciclo cerca de quatro vezes. É um excelente método de reação ao estresse, além de ser um exercício de expansão pulmonar.  

 

Respiração traseira

Peça para alguém te ajudar nesse exercício. A pessoa deve colocar as mãos no meio das suas costas e fazê-lo respirar profundamente, permitindo que as costas subam e desçam. 

Esta técnica é outra excelente maneira de expandir os pulmões e algumas pessoas dizem aliviar dores na região!

 

Meditação / Ioga relaxamento

Deite-se de costas e coloque a mão esquerda no coração e a mão direita no estômago. Durante a meditação, concentre-se na mão direita e no movimento da barriga. É extremamente relaxante e a respiração é mais profunda e mais lenta.

 

Se você nunca tentou a respiração consciente, pode se surpreender com o fato de que apenas algumas tentativas podem fazê-lo se sentir mais à vontade. Na próxima vez que você estiver estressado, reserve um momento para se concentrar na respiração e ver o que acontece.