Dicas E Artigos

Receitas

Diga sim para o que você adora comer! Aqui, você pode.

Eleja seu biquíni para o Carnaval
Existem alguns truques que nos permitem usar o tão temido traje de banho a nosso favor, valorizando o que temos de melhor e disfarçando o que não precisa de “foco”.

Como? É simples. Basta usar as características de cada peça e o efeito que elas causam em sua silhueta, procurando um equilíbrio visual.

Vou explicar como fazer escolhas personalizadas, respeitando seu estilo e biótipo, usando cores, texturas e modelagens indicadas para cada atributo específico. Analise seu corpo, defina quais são suas características e faça as melhores escolhas.

Vamos falar de quadris...

Quadris largos
A dica principal é evitar os biquínis muito apertados e fininhos na parte inferior. O ideal é procurar o meio termo: não usar as calcinhas muito grandes, pois chamam atenção para os quadris, nem as pequenas demais, porque marcam.
Os modelos mais indicados são aqueles com a faixa lateral mais larga (corte que está em alta e é muito confortável). Outra dica é não usar biquínis com amarrações, pois os lacinhos chamam atenção para as laterais, causando a impressão de que os quadris são ainda mais largos.
As cores neutras e escuras também ajudam a disfarçar o tamanho dos quadris. Se optar por peças estampadas, o melhor é investir naquelas com estampas pequenas e com fundo escuro.

Quadris estreitos
A estratégia para quem tem essa característica é abusar de estampas e calcinhas com detalhes na lateral, como pedras, aplicações, laços, bordados e brocados. Esses adornos chamam atenção e ampliam visualmente o volume das laterais, equilibrando a silhueta.
Calcinhas mais baixas e cavadas também favorecem esse tipo de corpo. 

Agora, vamos falar das peças mais adequadas para os diferentes tamanhos de seios?

Seios grandes
A preocupação principal de quem tem seios grandes é o conforto, por isso o ideal é apostar no modelo frente única ou em um modelo triangular com decote V, que valorizam o colo. Fuja do famoso cortininha, pois não promove sustentação suficiente. Vale a pena investir nas cores neutras e mais escuras e não utilizar apliques, brilhos, estampas ou babados. Caso queira usar o modelo tomara que caia, invista em peças feitas com tecidos firmes e sustentação inferior para modelar os seios.

Seios pequenos
O indicado é usar tudo o que dê volume à parte de cima, como estampas, cores claras, pedrarias, babados e bojo. Outra dica é evitar os tops tipo faixa. 

Dessa vez o assunto é... costas. Isso mesmo! Suas costas podem determinar o biquíni ou maiô ideal.

Costas retas
Se você não tem aquela curvinha na cintura e acha que ela é meio reta, pode usar o truque do maiô engana-mamãe (modelo que tem a calcinha e o sutiã unidos apenas por uma faixa frontal). Os recortes marcam a região da cintura dando uma sensação visual curvilínea a essa região, porque dá mais movimento e leveza ao corpo.

Costas largas
Para quem se incomoda com as costas largas, a sugestão é eliminar as peças com amarrações no pescoço do guarda-roupa. Prefira os sutiãs com alças retas, que criam duas linhas verticais nas costas, e estas ajudam a diminuir a amplitude dessa parte do corpo.
Outra opção é cruzar as alças nas costas, assim você vai tirar a atenção da largura e destacar o centro do corpo, afinando as costas visualmente.