Dicas E Artigos

Artigos

Diga sim para o que você adora comer! Aqui, você pode.

Desafios sob controle
Conheça algumas maneiras de superar os obstáculos do emagrecimento e continuar no caminho certo.

Talvez você acredite que um emagrecimento bem sucedido é aquele livre de empecilhos. Começaria no dia em que você abandonasse seus antigos hábitos e passasse a comer e se exercitar da maneira correta, e terminaria com a conquista do peso dos seus sonhos − sem encontrar um obstáculo sequer durante o percurso.

A realidade, porém, é um pouco mais desafiadora. Conforme a doutora Samantha Heller, nutricionista sênior do Centro Médico da Universidade de Nova York explica, “na jornada de emagrecimento, todo mundo enfrenta alguns obstáculos”.

“Não somos perfeitos”, diz a doutora Heller. Cometer alguns deslizes ocasionalmente não siginifica que seus planos foram arruinados. Não abra mão do seu novo estilo de vida por acreditar que falhou. Em qualquer processo que exija a mudança de hábitos, haverá altos e baixos. Tenha issso em mente e trilhe o caminho certo para o sucesso duradouro.

Conselhos para enfrentar os obstáculos

Estar preparado para os altos e baixos é a melhor maneira de transformar os desafios em aliados do seu novo estilo de vida. Perguntamos a vários Associados quais são os obstáculos mais comuns durante o emagrecimento. Confira os cinco mais votados e as estratégias para ultrapassar cada um deles.


Obstáculo 1: Vergonha

Muitos Associados costumam faltar às reuniões semanais por vergonha dos resultados indesejados, quando acham que ganharam peso. É justamente este o momento em que mais precisam de apoio!

Estratégia: A doutora Heller explica: “Reconhecer que exagerou pode ser perturbador, mas em vez de se punir, aproveite a oportunidade para aprender com o lapso”. Além da vergonha, muitos relatam sentir vontade de deixar o automonitoramento de lado. “Continue anotando tudo! Manter um Jornal Pessoal completo mantém você consciente e alerta sobre suas escolhas”, ela diz. Será possível usar suas anotações – junto com os resultados na balança – para descobrir como está indo e, o mais importante, as causas dos resultados que tem obtido.

Obstáculo 2: Metas irreais

É preciso estipular prazos respeitando as condições e limitações individuais. Muitos Associados, contudo, caem na tentação de tentar emagrecer até determinado dia ou ocasião, sem considerar o seu desempenho na hora de estipular as datas limites. A consequência é que o tiro pode sair pela culatra e o resultado na pesagem pode ser o contrário do esperado.

Estratégia: Muitos já sentiram uma enorme vontade de alcançar determinado peso para ir a um evento, como um casamento ou encontro. A doutora Heller explica, contudo, que estipular prazos apertados pode minar seus esforços de emagrecimento, pois se os números não forem os esperados, as chances de desanimar podem ser maiores. “Seja paciente com o seu corpo! Crie metas realistas e, depois, se esforce para alcançá-las”, sugere. A doutora continua: “Lembre-se: alcançar sua meta de peso saudável no tempo certo fará com que você se sinta melhor quando chegar lá. Além disso, levar o tempo necessário para adotar os Hábitos Saudáveis o ajudará a manter seu novo peso por toda a vida”.

Obstáculo 3: Tentações

Antes de se tornarem Associadas do Vigilantes do Peso, a maioria das pessoas corta definitivamente de seus cardápios aqueles alimentos mais calóricos, mas que são seus favoritos, com a intenção de emagrecer. O dilema é que “para sempre” é muito tempo e a sensação de privação pode aumentar a vontade de comer esses alimentos ainda mais.

Estratégia: Se alguns dos seus alimentos favoritos são extremamente calóricos e você não consegue viver sem eles, decidir cortá-los de seu cardápio pode minar seus esforços. Isso porque, tempos depois, quando a vontade de comer um deles for intensa (o que é bastante provável), você vai se sentir culpado. O segredo para lidar com este obstáculo é encontrar maneiras de incluir esses alimentos na sua rotina, sem exageros. Tente encontrar versões com baixo teor de gordura, por exemplo, ou permita-se saboreá-los ocasionalmente. “Sempre avalie os prós e os contras de comer qualquer tipo de comida”, diz a doutora Heller, “e planeje-se adequadamente”.

Obstáculo 4: A mentalidade de “dieta”

Quando os Associados encaram o emagrecimento como um novo estilo de vida em vez de chamar o programa de ‘dieta’, conseguem adotar novos hábitos mais facilmente. O ideal é acreditar que “seguir o programa do Vigilantes do Peso é simplesmente parte da vida”. Caso contrário, muitos Associados relatam que têm pensamentos do tipo “mal posso esperar para comer X novamente”.

Estratégia: Segundo a doutora Heller, “Algo que você faz por duas semanas ou um mês não vai mudar sua vida”. Ela recomenda criar hábitos que você sabe que será capaz de manter todos os dias. Mesmo que se dedique a uma mudança de cada vez, a ideia é que elas durem para sempre. Assim, seu emagrecimento também será duradouro!

Obstáculo 5: Platôs

Os Associados contam que ler as histórias de quem teve sucesso no emagrecimento os mantêm motivados a continuar se empenhando, apesar dos platôs e eventuais ganhos de peso. Ser impaciente é, provavelmente, um dos maiores erros.

Estratégia: “Entenda que é totalmente normal passar por um platô durante o emagrecimento”, explica a doutora Heller. Os motivos podem ser as reações naturais do seu corpo ou o abandono de algum dos hábitos saudáveis adotados. De todo modo, você pode superar os platôs mantendo ou aumentando a quantidade de atividades físicas. Apenas seja paciente e chegará à sua meta!