Dicas E Artigos

Artigos

Descubra a ligação entre emagrecimento, saúde e bem-estar. Aprenda a viver melhor!

Coma com prazer!
Os alimentos têm influência direta no nosso estado emocional. Ao dar a primeira garfada, sinais estimulam nosso sistema nervoso central, dando início a uma cascata de reações que vão resultar nas sensações de saciedade e prazer.

Alimentação X Prazer

O ato de se alimentar está associado às necessidades do corpo, tanto àquelas nutricionais e fisiológicas como àquelas ligadas ao prazer e à satisfação. Por isso, quando nos reunimos para celebrar, sempre há comida envolvida.

A alimentação também é uma forma de neutralizar o estresse emocional. Tendo isso em vista, criou-se o termo comfort food para aquelas preparações ou alimentos que resgatam o sabor, o prazer e as boas lembranças de um momento vivenciado através da alimentação.

Instintivamente, a humanidade sempre procurou aumentar a sensação de prazer proveniente da comida, começando pelo seu cozimento; depois, pelo uso de sal, chegando aos inúmeros temperos e combinações que hoje conhecemos.

Os alimentos têm influência direta no nosso estado emocional. Ao dar a primeira garfada, sinais estimulam nosso sistema nervoso central, dando início a uma cascata de reações que vão resultar nas sensações de saciedade e prazer. Essas reações são mediadas por vários hormônios, como a dopamina e a serotonina.

A dopamina é um neurotransmissor que atua no centro de recompensa e prazer do cérebro. Já a serotonina regula o nosso humor, assim como o sono, o apetite, a temperatura corporal e a sensação de bem-estar. Existem formas de aumentar a produção desses hormônios — através da alimentação e do exercício físico.

Consumir alimentos ricos em tirosina (aminoácido) garante que seu corpo terá como produzir a dopamina. São eles: produtos de origem animal, amêndoas, maçã, banana, abacate, vegetais de folhas verdes e feijão, entre outros.

Já alimentos ricos em carboidratos (pães, massas, doces) e os alimentos ricos em triptofano (aminoácido precursor da serotonina) — chocolate, vinho, banana, abacaxi, leite, carnes magras, cereais integrais e castanha-do-pará — são os principais estimulantes da produção de serotonina no corpo. Quando os níveis desse hormônio estão baixos, podem surgir problemas, como enxaqueca, insônia, tristeza profunda e até mesmo depressão.

Portanto, ao combinarmos certos alimentos, garantimos que o corpo tenha o necessário para produzir neurotransmissores responsáveis pela sensação de prazer e bem-estar. Frutas, verduras, castanhas, carnes magras e cereais integrais, combinados a práticas regulares de atividades físicas, devem fazer parte de hábitos saudáveis. Sendo assim, é possível ter uma alimentação saudável sem perder o prazer de comer.